Mob Atualizei

 
Esporte

UFC: americano que chamou Brasil de chiqueiro é humilhado e sai quebrado em luta

- Anúncios -
Revisor CNF - Publicado em 16/12/2019 às 22:52.
- Anúncios -

Colby Covington é considerado um americano odiado pelas pessoas, mas neste último domingo, ele levou um duro castigo.

Colby encontrou um modo de se destacar no MMA e ficou conhecido por suas declarações racistas e xenofóbicas. Mas depois da noite de ontem, ele sofreu um grande castigo, ao ponto de seu orgulho ter caído por terra. Colby enfrentou Kamaru Usman, luta que Colby descobriu que não era o melhor, e o nigeriano fez questão de mostrar o que ele tinha ido fazer em Las Vegas.

Usman dedicou a vitória aos brasileiros
- Anúncios -

Durante a luta, Colby teve mandíbula quebrada e foi nocauteado. O rapaz estava muito envergonhado e não queria ser visto por ninguém, logo foi para seu vestiário para se esconder.

- Anúncios -

Enquanto isso, Usman estava sendo muito aclamado pela plateia e foi anunciado como campeão. O que mais chama a atenção é que o nigeriano dedicou essa luta ao Brasil, mesmo não sendo brasileiro. Vale lembrar que Colby xingou diversas o país e Kamaru deu uma grande lição para ele.

- Anúncios -

O campeão fez uma grande declaração, no qual justificava o motivo dele ter dedicado essa vitória para outro país. Na opinião dele, ele estava representando todos os imigrantes dos Estados Unidos, muitos que sofrem preconceito por causa da sua nacionalidade. 

- Anúncios -