Mob Atualizei

 
Política

Bolsonaro “fez questão” de ver vídeo de reunião antes de enviar ao STF

- Anúncios -
Revisor CNF - Publicado em 13/05/2020 às 14:38.
- Anúncios -

A disputa de Sérgio Moro e Bolsonaro ganhou mais um capitulo por conta do vídeo gravado de uma reunião.

Jair Bolsonaro chegou assistir ao vídeo que foi solicitado no inquérito aberto pelo STF. O famoso vídeo consta o conteúdo da tal reunião ministral onde Bolsonaro teria ameaçado Sérgio Moro. Segundo fontes o chefe do executivo fez questão de ver o vídeo, com intenção de verificar de que nada que consta na filmagem pudesse de alguma maneira incriminá-lo.

O presidente Jair Bolsonaro sorri em entrevista com comediante

Bolsonaro não estaria sozinho quando assistiu à filmagem. Ele estava acompanhado de ministros próximos a ele para avaliar o conteúdo exposto. Inclusive até as conversas paralelas foram analisadas por alguns assessores.

Após três dias de verificação o vídeo foi liberado para que outro departamento pudesse analisar suas imagens, que foi o caso da AGU, Advocacia-Geral da União.

- Anúncios -
Moro pede demissão, elogia PT e piora crise no governo Bolsonaro

O caso do vídeo ganhou força por conta das acusações de Sérgio Moro ao presidente, indicando um suposto interesse na Policia Federal e por servir de prova devido a uma ameaça direta ao ex-ministro.

Segundo interlocutores o presidente Jair Bolsonaro teria afirmado  que este vídeo é a última carta de Sérgio Moro contra ele. Inúmeras vezes Jair Bolsonaro surgiu falando sobre o assunto, e afirma que em nenhum momento citou a palavra Policia Federal no decorrer da reunião.

- Anúncios -

Veja a cronologia da crise entre Moro e Bolsonaro desde a reunião ...

- Anúncios -

- Anúncios -